Mourão vê ‘comunicação deficiente’ com Bolsonaro sobre enxugamento do BB

O vice-presidente Hamilton Mourão disse hoje acreditar que houve uma “falha de comunicação” da parte do presidente do Banco do Brasil, André Brandão, sobre o programa de reestruturação da instituição que levou o presidente Jair Bolsonaro a pedir sua demissão.

“Eu acho que houve uma comunicação talvez deficiente do banco nisso aí, né? Porque normalmente as pessoas que iriam sair eram pessoas que já tinham completado seu tempo pra se aposentar, né? Essa é a realidade”, afirmou. “Talvez pouquíssimas pessoas tivessem, vamos dizer, um rebaixamento de cargo e não pudessem se aposentar. Mas eu acho que a maioria iria se aposentar.”

Ontem, segundo fontes do Palácio do Planalto, o presidente Jair Bolsonaro decidiu demitir Brandão, irritado com o fechamento de agências e o programa de demissões voluntárias capitaneado pelo executivo.

Mourão disse não ter recebido “nenhuma informação extra a respeito do assunto”. Mas disse julgar que as medidas não foram discutidas com Bolsonaro. “O presidente do banco tomou essa medida diretamente”, afirmou.

Áreas de Atuação

Linhas de Pesquisa

Portal de Ensino

Projetos

Produção Acadêmica

Últimos blogs

Entre em contato

Av. Bandeirantes, 3900 - Sala 03
Monte Alegre - CEP 14040-905
Ribeirão Preto - SP / Brasil
FEA-RP / USP

+55 (16) 3602-0503

[email protected]

Mídias sociais

Acesse nossa newsletter: